Notícias

09/10/2018

.:: conteudo_37504_1.png ::.

Localizada na cidade de Santa Rita do Passa Quatro, interior de São Paulo, a jequitibá-rosa Também conhecida como “Patriarca da Floresta” com idade estimada de 600 anos, é considerada a árvore mais antiga do brasil.

Já foi estimada de mais de 3020 anos, mas outro cálculo aponta que o Patriarca teria na verdade cerca de 600 anos, de acordo com o chefe do laboratório de anéis de crescimento do departamento de ciências florestais da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz, Mário Tomazello Filho.

Sua circunferência mede aproximadamente 11,3 metros, e é necessários cerca de dez pessoas para conseguir abraçar o tronco inteiro. Além de possuir uma altura de 40 metros, suas raízes chegam a uma profundidade de 18 metros e seu peso bruto foi calculado em 264 toneladas. Especialistas estimaram que, sozinho, a árvore tenha sequestrado mais de 132 toneladas de CO2 ao longo de sua existência.

A Jequitibá-rosa é muito usada para reflorestamento, pois tem crescimento rápido, podendo atingir 3,5 metros em dois anos de plantio. Sua madeira é considerada de lei, moderadamente pesada, macia, bastante durável. Estende-se desde o sul da Bahia até o Rio Grande do Sul.